Reader Comments

Moda

by Lucia Linda (2018-12-05)


Moda, quem não conhece essa palavra, a mais nova do momentos são os maravilhosos esmaltes e cores exuberantes. No catalogo de vendas as roupas serão fotografadas sem manequim ou modelo de forma a retratá-la plana para visualização dos recortes e outra com manequim para representar real caimento da peça e para que cliente possa ver desenho de forma plana e determinar se resultado corresponde ao esperado pela peça.Para exemplificar uso das formas geométricas, são apresentados, posteriormente, estudo da geometria, sua história, seus significados e suas aplicações na moda. Por isso a moda necessita racionalizar universo simbólico contido numa roupa ou adorno para justificar consumo e dar prestígio à própria peça. Garcia e Miranda (2005) citam que, a indústria de relogio com pulseira de silicone orienta-se segundo princípio da obsolescência planejada, por um processo ideológico que emerge a propriocepção dos consumidores nas acepções culturais e sociais, promovendo estado perpétuo de insatisfação com estilo de vida e com a aparência física de movimento. E pelas roupas serem constituídas de muitos recortes, há casos em que se faz um molde total da peça e depois divide nas cores definidas para confecção, e tecido por se tratar de malharia tem ótimo caimento, sensação tátil e leveza as peças, influenciando no resultado da modelagem. De acordo com NAZARIAN (2009), personalidade e exuberância foram características do perfil do consumidor na coleção Verão 2010 da Neon, que visava representar a energia do "calçadão urbano", transparecendo verão. Isso ocorre porque eles têm que arcar com todas as despesas da casa como luz, água, produtos de limpeza e de higiene. Fica a certeza de que, no fascinante mundo da moda, desenho é imprescindível, pois é um mundo onde as idéias faladas não bastam, a criatividade está à flor da pele e a sensibilidade desses profissionais somente pode ser traduzida em forma de desenho. De acordo com site Portal Exame, sociólogo João Werner Grando diz que para que se possa enfrentar essa crise as marcas de luxo encontraram no marketing verde uma forma que os consumidores se sentissem menos culpados ao desembolsar uma determinada quantia para comprar um vestido. Os dados acima mostram que conceito de moda que era associado apenas ao vestuário, principalmente nas áreas mais especializadas do segmento feminino de roupas, a alta-costura e, mais recentemente, prêt-à-porter ou ready-to-wear, hoje se diversificou e ampliou tanto no setor cultural quanto no econômico, espalhando-se por vários outros segmentos, como perfume e cosméticos, óculos, acessórios, móveis, viagens e até mesmo a música. Ambos os sexo podem participar ativamente das tendências atuais, porém quando se trata apenas do homem, esta questão é tratada de forma pejorativa, pois durante muito tempo a moda era apenas um assunto ligado exclusivamente às mulheres e aos homossexuais, e hoje, apesar da evolução e ascensão do modo como meio social se preocupa com sua aparência, ainda existe esse preconceito.